Arquivo mensal: junho 2015

Das Telefonat

Padrão

… tocou e tocou! O telefone tocou no meio daquela tragédia de dor que eu estava sentindo, graças à visita do médico que “arrancou” o catéter do meu corte …

Quem era? Wer, wer, wer? Mamis! Ah, coitadinha da minha mãe … ou de mim, nem sei … me ligou num momento tão infeliz (em todos os sentidos) … eu soluçava, nem conseguia falar direito, morrendo de dor, profundamente triste naquela situação … foi um chororô só! Nem sei se ela conseguiu entender o que estava acontecendo. Hoje que sou mãe imagino que ela deva ter sentido uma dor imensa no coração me ouvindo naquele estado. E tão longe.

Mesmo assim conseguimos conversar um pouco. Não aliviou a dor, mas o coração … e me fez companhia naquele momento tão difícil …

das telefonat

Nachrichten

Padrão

No link abaixo, uma excelente notícia vinda de Feldheim, um vilarejo próximo a Berlim. Sustentabilidade é um assunto que passou a despertar o meu interesse quando morei na Alemanha. Isso já faz uns 25 anos, ou seja, esse tema já era, naquela época, muito presente no dia-a-dia dos alemães e foi lá que aprendi a refletir sobre o meio ambiente e a consequência das minhas ações.

Feldheim

http://www.dw.com/pt/a-primeira-cidade-alem%C3%A3-100-sustent%C3%A1vel/a-18528053

Die Kinder

Padrão

Quando morei na Alemanha, não demorou muito para eu perceber que o tema “filhos/crianças” aborda muitos aspectos que a gente nem questiona (ou questionava na época) no Brasil.

Minhas observações me levaram a constatar que, em primeiro lugar, ter filhos é, para os alemães, uma decisão e tanto! Uma questão muito estudada, refletida e discutida. Nada de “vamos deixar acontecer”. Para os que decidem ter um filho (ou mais), observei que:

– Crianças são seres humanos muito especiais, que devem ser muito cuidados em todos os aspectos: educação, saúde, formação moral etc;

– Crianças devem se tornar, aos poucos, autônomas, e para isso os pais “trabalham duro”, investem tempo e nervos, dão todo o suporte necessário para que elas assim se tornem;

– Crianças não são bem-vindas em todo lugar, já que … fazem barulho! E não se trata de crianças mimadas ou mal educadas; trata-se simplesmente de crianças sendo crianças.

E, falando nisso, li hoje dois textos interessantes: uma notícia referente à proibição de crianças num “Biergarten” de Düsseldorf, e um outro texto colocando opiniões pró e contra.

Kinder im Biergarten

http://www.welt.de/regionales/nrw/article142734427/Biergarten-mit-kinderfreier-Zone-empoert-Muetter.html?wtrid=socialmedia.socialflow….socialflow_facebook

http://www.berliner-zeitung.de/familie/kinderfreie-zone-sote-biergarten,27871856,30990442,item,1.html

Die Stasi

Padrão

Sobre a  “Staatssicherheit”, a assim chamada polícia secreta da ex-Alemanha Oriental (DDR  – Deutsche Demokratische Republik), existem muitas histórias. Entre elas, a de que entre os membros de uma mesma família havia espiões que deduravam os parentes contrários ao partido. E era verdade, não só uma “historinha”.

stasi

Imagens curiosas da Stasi você encontra neste link:

http://www.dw.de/imagens-curiosas-do-arquivo-da-stasi/g-17203328

Informações sobre a Stasi:

https://www.bstu.bund.de/SharedDocs/FAQs/DE/00-was_bedeutet_stasi.html

E um filme excelente (“Das Leben der Anderen” em alemão, traduzido como “A vida dos outros”) que mostra bem como funcionavam as coisas naquela época:

http://www.moviepilot.de/movies/das-leben-der-anderen

das leben der anderen