Die Kinder

Padrão

Quando morei na Alemanha, não demorou muito para eu perceber que o tema “filhos/crianças” aborda muitos aspectos que a gente nem questiona (ou questionava na época) no Brasil.

Minhas observações me levaram a constatar que, em primeiro lugar, ter filhos é, para os alemães, uma decisão e tanto! Uma questão muito estudada, refletida e discutida. Nada de “vamos deixar acontecer”. Para os que decidem ter um filho (ou mais), observei que:

– Crianças são seres humanos muito especiais, que devem ser muito cuidados em todos os aspectos: educação, saúde, formação moral etc;

– Crianças devem se tornar, aos poucos, autônomas, e para isso os pais “trabalham duro”, investem tempo e nervos, dão todo o suporte necessário para que elas assim se tornem;

– Crianças não são bem-vindas em todo lugar, já que … fazem barulho! E não se trata de crianças mimadas ou mal educadas; trata-se simplesmente de crianças sendo crianças.

E, falando nisso, li hoje dois textos interessantes: uma notícia referente à proibição de crianças num “Biergarten” de Düsseldorf, e um outro texto colocando opiniões pró e contra.

Kinder im Biergarten

http://www.welt.de/regionales/nrw/article142734427/Biergarten-mit-kinderfreier-Zone-empoert-Muetter.html?wtrid=socialmedia.socialflow….socialflow_facebook

http://www.berliner-zeitung.de/familie/kinderfreie-zone-sote-biergarten,27871856,30990442,item,1.html

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s