Die Umfrage – Endergebnisse

Padrão

Genteeeee! Aí vai o tão esperado resultado da enquete sobre o banho!

No item “outros” apareceram “banho de assento com toalhinha” e “in der Badewanne”.

Bem, na verdade havia mais de uma alternativa para o meu banho, e na maioria das vezes eu usava a casa de amigos (geralmente brasileiros) para isso. Em segundo lugar eu usava o chuveiro da república de cima (tinha que ter moedas pra colocar na máquina que o ligava, e o tempo do banho era contado!). Em casos extremos, como quando eu fui operada e fiquei engessada na perna esquerda até o joelho por seis semanas – mas essa aventura eu conto mais pra frente … aguardem! – só era possível  “banho tcheco”, como nós dizíamos. Não vou mentir pra vocês: teve dia que eu fiquei sem banho! Sinto decepcioná-los … tut mir leid!

Enfim, aventuras e fatos exóticos, estranhos e incomuns nunca fizeram falta na minha vida na Alemanha!

Anúncios

Sobre frausantana

Professora de alemão há mais de 20 anos, apaixonada pela língua alemã, pelo país, pelo povo ... pelos pães, pelos bolos ... Formada em Letras pela UNICAMP, licenciada em Alemão pela UFPR, estudou língua e literatura alemãs na Universidade de Tübingen e Tradução na Universidade de Heidelberg. GDS pelo Instituto Goethe.

»

  1. Banho tcheco! Minhas tias aqui do sul usam essa expressão direto. hahaha
    Mas conte-nos, Frau Santana, qual é a resposta daquela pergunta indiscreta que jamais cala brasileiro nenhum: é ou não é verdade que “lá nas Europa” as pessoas não tomam banho todo dia?
    Eu li que lá na Alemanha água é muito cara, e você enfatiza isso contando que o tempo do banho é cronometrado na república.
    Vou esperar a narração da sua aventura de seis semanas engessada!
    Küsse!

    Curtir

    • Meine Liebe, eu já ouvi essa pergunta muitas vezes, e sempre tomo muito cuidado pra respondê-la. Bom, segundo a minha experiência/convivência com pessoas mais próximas (porque eu não ia sair perguntando isso pra pessoas com as quais eu não tinha intimidade, né?), a maioria não tinha o costume de tomar banho todo dia mesmo … mas se lavavam! Há casos e casos; não dá pra generalizar! Ouvia vários argumentos: cultura, clima, preço da água, qualidade da água (na época, continha muito calcáreo, que ressecava ao extremo a pele! Senti isso “na pele”: ela rachava de verdade, fora a queda de cabelo …). Enfim, nunca achei nada demais nisso. Pra mim, tudo que faz parte da vida/história/cultura deles eu acho super interessante!

      Curtir

      • É verdade, isso é uma grande questão de cultura; mas também de clima – tem muita gente brasileira que tem toda sorte de motivos pra torcer o nariz para o “fato” de que os europeus não tomam uma chuveirada de meia hora por dia como nós (também não generalizando a “meia hora” hahaha). Aqui é bem mais calor, e num dia como hoje (19°C e está quente!), ficar sem banho para nós é um martírio! Mas eu vivo numa cidade muito fria, num apartamento mais frio ainda e sofro no grosso do inverno – então calcule os europeus, expostos a temperaturas bem mais negativas do que aqui!

        Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s